Outubro Rosa: Saiba Mais Sobre Tumores de Útero em Cadelas

Em outubro ocorre a campanha mundial para alertar sobre os riscos de tumores de útero e câncer de mama em seres humanos, o Outubro Rosa. Mas também podem ocorrer tumores de útero em cadelas.  

É por isso que é preciso ficar atento para a saúde das fêmeas. Por esse motivo, confira a seguir um pouco mais sobre essa condição que pode afetá-las. Além disso, entenda quais são as suas causas, principais sintomas e a forma de prevenir.

O que é tumor de útero em cadela?

Um tumor, ou neoplasia, se trata de um crescimento anormal das células em uma determinada região do corpo. Quando esse crescimento ocorre no útero, é conhecido como neoplasia uterina, e podem ser classificados tanto como maligna quanto benigna.

Os tumores benignos são os que mais ocorrem, e são chamados de leiomioma. Ele causa aumento abdominal na cadela, e precisa de cuidado por parte do dono.

O segundo mais comum é o tumor maligno. O surgimento deles está diretamente ligado aos fatores hormonais e ao ambiente no qual o animal está vivendo. Fatores como idade avançada, animais não castrados e alimentação com excesso de corante e conservantes também podem prejudicar a saúde do pet.

VEJA MAIS:Saliva de Cachorro Transmite Doença?

O que causa o câncer de útero nas cadelas?

O tumor no útero em cadelas é menos frequente que o câncer de mama. Porém, mesmo assim, é preciso saber que existem alguns fatores que predispõem o surgimento da doença. As principais causas que influenciam na formação do tumor no útero são hormonais.

A predisposição genética e idade avançada são os principais fatores para surgir tumor no útero nas fêmeas, devido à disfunção hormonal. Entretanto, no momento em que as cadelas entram no cio, muitos tutores administram anticoncepcional.

O uso desse anticoncepcional não é aconselhável, pois estamos falando de doses extras de hormônio. Se aqueles produzidos pelo próprio pet já influenciam no surgimento de tumores, a administração de hormônio sintético só agrava a situação.

Algumas infecções uterinas, como a piometra, colaboram para o surgimento de tumor de útero em cadelas. Por esse motivo, a castração é sempre o mais indicado para nossos animais de estimação.

Castração é o mais indicado para prevenir tumor

A castração é a melhor forma para prevenir vários males. Isso deve ser feito antes do primeiro cio do animal, entre os cinco e seis meses de idade. A ideia é reduzir as chances de desenvolver um tumor no útero para quase zero.

Nas fêmeas, a castração consiste em retirar o seu sistema reprodutivo, isso inclui útero, ovários e trompas. Assim, o risco de desenvolver tumores nessa região é zero. Esse procedimento ainda protege as cadelas da piometra (acúmulo de pus) e metrite (inflamação) no útero.

LEIA MAIS:Castração: Deixa Pets Mais Tranquilos?

Não aplique injeção hormonal na sua cadela

Por se tratar de um método mais acessível do que a castração, muitas pessoas recorrem à vacina anticoncepcional para retardar o cio das cadelas. Entretanto, esse método não é indicado devido às inúmeras sequelas que esses hormônios sintéticos podem causar no corpo do animal.

Muitos problemas reprodutivos são facilitados, onde pode resultar em diversas complicações como a piometra e neoplasias mamárias. Além disso, seu uso contínuo pode trazer outros problemas, como a diabete.

Principais sinais clínicos do tumor de útero em cadelas

Os tumores benignos em cadelas não costumam apresentar sinais clínicos, o que dificulta no diagnóstico precoce. Já os tumores malignos causam apatia, falta de apetite, aumento abdominal, dor no toque e secreção vaginal.

Diagnóstico e Prevenção

O diagnóstico do tumor de útero em cadelas pode ser feito durante o check-up de rotina. Para ter uma confirmação precisa, é necessário realizar a ultrassonografia abdominal, o que dará pistas sobre o que está causando o aumento uterino anormal.

Alguns exames complementares podem ser solicitados para maior precisão no diagnóstico. Para saber mais sobre isso, o ideal é consultar um médico veterinário, já que ele vai saber como proceder de acordo com o caso.

A melhor forma de prevenção de tumores de útero envolve a castração da cadela. Isso porque assim o útero será removido. Dessa forma, ela não entrará mais no cio e nem terá uma descarga hormonal, ajudando a evitar outros problemas, como os tumores de mama.