O pelo do meu pet está caindo muito

É comum que muitos donos de cães já tiveram que lidar com pelos e mais pelos espalhados por toda a casa. Além disso, essa pelagem em excesso também costuma estar presente em móveis, roupas, objetos e muito mais, não é mesmo? Então como lidar com o pelo do pet caindo?

Essa é uma pergunta que você pode se fazer com frequência. Afinal, não é incomum que os pelos caiam, e é sempre bom saber como se livrar deles de maneira eficiente. Mas será que isso é um processo natural?

Nesse texto, você vai ficar por dentro de tudo sobre o assunto, e poderá cuidar melhor do seu peludo. Acompanhe e confira as dicas.

Por que o pelo do cachorro cai?

Os pelos dos cães caem de maneira natural. Isso porque eles nascem, crescem, caem e nascem outros no lugar.

Logo, se a sua casa, móveis ou roupas sofrem com o pelo do pet caindo, saiba que você pode ficar tranquilo: seu cão não está doente.

O que pode fazer o pet perder pelo?

Como você viu acima, a queda dos pelos é algo comum, mas existem casos e casos. Portanto, se o seu pet perde pelos em excesso, você deve prestar mais atenção nele.

Porém, existem diversos fatores externos que também podem influenciar no pelo do pet caindo. Assim, fique de olho na idade dele, além de época do ano, raça ou tipo de pelagem.

Tudo isso são alguns dos fatores que costumam gerar influência na quantidade de pelos que caem. Dessa forma, também existe a possibilidade de que eles caiam sem gerar problemas extras:

  • Durante o verão, ocorre a renovação dos pelos dos cães. Assim, a queda costuma ser muito maior. Isso acontece por conta de eles precisarem de mais pelos no inverno;
  • Os pelos que são mais curtos tendem a atingirem a maturidade mais cedo. Dessa forma, costumam cair com mais frequência;
  • Quanto mais idoso o pet, mais pelos costumam cair;
  • Durante o cio ou gestação, é muito comum que as fêmeas percam muito mais pelos do que o normal.

É importante ressaltar que, mesmo em qualquer uma dessas condições, o pet ainda pode ser perfeitamente saudável. Entretanto, existem doenças, parasitas e fungos, além de outros fatores, que podem acelerar o processo de perda desses pelos. Confira a seguir.

Raças com maior queda

Você sabe que os cães peludos são muito fofos, não é mesmo? Sendo assim, é muito óbvio que eles costumam perder muito mais pelos do que o normal, correto? Totalmente errado!

O mais normal é que a raça seja a principal influência na quantidade de pelos que vão cair. E o mais esquisito, é que isso não tem relação nenhuma com o tamanho desses pelos.

Entre as raças que mais perdem pelo estão:

  • Pug;
  • Chihuahua;
  • Yorkshire Terrier;
  • Buldogue Francês;
  • Buldogue Inglês;
  • Beagle;
  • Pastor de Shetland;
  • Labrador;
  • Golden Retriever;
  • Chow Chow,
  • Pastor Alemão.

Sendo assim, vai ser preciso prestar atenção nesse fator na hora de ver o pelo do pet caindo.

Causas para a queda excessiva de pelos

Como você viu acima, existem diversas raças que costumam perder muitos pelos, mais do que o normal para outras raças. Mas, também são diversas as outras causas dessa queda. Conheça as mais comuns e os sintomas:

  1. Alergias alimentares: Essas alergias causam coceira intensa, descamação, lesões, inflamações nas orelhas e nos olhos;
  2. Deficiência nutricional: Esse tipo de condição causa pelos sem brilho, fracos e com aspecto áspero. Eles costumam cair de forma generalizada;
  3. Ectoparasitas (como pulgas e ácaros): Estes parasitas causam coceira intensa, mais forte no pescoço e no dorso;
  4. Estresse: Em geral, a queda por estresse ocorre nas patas. Isso porque eles costumam se lamber muito no local. Também é comum apresentar lesões;
  5. Fungos: Esses seres vivos podem provocar coceira, mas nem todos. Além disso, é normal causarem queda de pelo em formato circular e mau cheiro;
  6. Problemas endócrinos: Por fim, os problemas de pele causam queda generalizada, que podem ser acompanhadas de lesões com crosta e com pus. Inicialmente, elas não coçam. Porém, depois de infectadas, essa situação pode mudar.

Portanto, nada mais justo do que ficar atento para a saúde do seu amigo peludo, e cuidar do pelo do pet caindo.