Gato castrado engorda? Mitos e verdades sobre o assunto!

Você provavelmente sabe que castrar cães e gatos é essencial para o controle dos animais de rua. Porém, essa também é uma medida que melhora a qualidade de vida dos pets. Mas, existem alguns mitos envolvendo a castração dos felinos. O gato castrado engorda? Entenda aqui!

Primeiramente, é preciso entender que a castração é um ato de amor e cuidado aos pets. Portanto, é comum que os donos de gatos costumem procurar por esse procedimento cirúrgico.

Mas, hoje em dia, ainda existem diversos tutores de gatos que têm medo de castrar seus pets. Isso porque os mitos que envolvem a cirurgia e os resultados dela são muitos. Um dos maiores envolve o peito do gato após a cirurgia.

Então, se você quer esclarecer essas e mais algumas dúvidas sobre o assunto, acompanhe o texto até o final. Assim, é possível garantir a saúde e o bem-estar do seu felino.

É verdade que gato castrado engorda?

O primeiro e mais comum mito relacionado à castração é que o gato castrado engorda. Porém, essa é uma verdade. Isso porque, sem os órgãos sexuais, os felinos perdem os hormônios reprodutivos.

Assim, ocorre uma grande mudança no metabolismo e no comportamento do gato. Portanto, com o metabolismo mais lento, os animais ficam mais calmos e tranquilos. Então, os gatos dormem mais, saem menos de casa e comem muito mais.

Mas, para facilitar a vida do tutor, existem alguns alimentos específicos para essas situações. Eles trazem todos os nutrientes dos quais o gato precisa para manter uma boa saúde. Além disso, eles contam com menos calorias, ajudando na questão do peso.

O gato para de fugir depois que castra?

Em geral, sim, eles param de fugir. Isso porque, como visto acima, os gatos ficam mais calmos e tranquilos após serem castrados. Logo, eles ficam mais em casa.

Outro ponto, é que os gatos que não são castrados acabam fugindo de casa em busca de parceiros amorosos.

Então, é claro que os felinos vão sair menos de casa, já que não buscam essas saidinhas. Porém, o dono precisa tomar cuidado para evitar isso.

Existem gatas que entram no cio depois de esterilizadas?

Além do gato castrado engordar, existem outros mitos sobre a cirurgia. Um dos mais famosos é sobre as gatas que supostamente entram no cio após serem castradas.

Porém, isso é totalmente falso. Porém, esse mito é justificado, já que os hormônios sexuais ainda atuam no corpo dos felinos por um tempo após a castração.

Sendo assim, é normal que as gatas possam continuar com esse comportamento mesmo após serem castradas. Mas, isso desaparece com o tempo. Porém, se não for o caso, é preciso buscar ajuda veterinária.

Dessa forma, se a sua gata ainda demonstra comportamento do cio, ou anda marcando território procure ajuda. Essa etapa é importante para saber se não restam sinais do órgão emissor de hormônios no pet.

A castração evita doenças?

Atualmente, sabe-se que castrar os gatos é bom para evitar diversas doenças. Por exemplo, os felinos castrados têm menor propensão ao câncer de testículos, útero, ovários, mamas e próstata.

Já para as fêmeas, em específico, a cirurgia acaba afastando as chances de ter piometra. Essa é uma inflamação no útero que ocorre com frequência. Mas, como a castração remove o útero, ela estará livre da doença.

Castrar o gato causa problemas urinários?

Em geral, a castração não desenvolve problemas urinários nos felinos. Porém, existem algumas raças que contam com maior vulnerabilidade para essas doenças.

Mas, um detalhe importante é que os gatos costumam apresentar problemas urinários normalmente. Isso porque eles ingerem pouca água. Então, o ideal é que o dono incentive esse hábito.

Sendo assim, a melhor dica é manter sempre os potes limpos e com água fresca. Além disso, pode ser interessante espalhar diversos potes pelo ambiente onde os gatos circulam.

Outro ponto se encontra na alimentação, que é muito importante. O alimento correto para os gatos deve ser de boa qualidade. Assim, ele reduz as chances das doenças urinárias.

Por fim, você deve manter o ambiente sempre calmo e tranquilo para os gatos. Atualmente, sabe-se que o estresse é uma grande causa dos problemas urinários nos gatos.

Então, esses são os principais mitos sobre os felinos. Agora, você sabe se gato castrado engorda, como evitar problemas urinários e as doenças que a castração ajuda a combater. Portanto, mantenha a saúde e o bem-estar do seu gato em dia através da castração.