Bola de Pelos – Como resolver

Você sabe o que é uma bola de pelos? Esse é um fenômeno relacionado com os gatos, e deve ser de conhecimento dos donos de felinos, já que podem ocorrer a qualquer momento.

Portanto, nesse texto, você vai entender tudo sobre as bolas de pelos, o que são e o que fazer caso apareçam. Mas, antes de tudo, é preciso saber o motivo pelo qual elas ocorrem.

As papilas gustativas dos gatos possuem um funcionamento peculiar, já que atuam como se fosse um pente. Então, o formato delas acaba ajudando a desembaraçar e desembolar os pelos do felino, quando ele se lambe.

Porém, os gatos acabam engolindo alguns pelos durante todo esse processo de limpeza. Mas a maioria dos pelos acaba sendo digerida. Os que não são digeridos vão se tornar a famosa bola de pelos.

O nome delas, na verdade, é tricobezoar. Um detalhe é que elas não contêm apenas pelos, mas sim secreções gástricas, saliva e restos de alimentos. Dessa forma, elas podem causar vômitos frequentes.

É por isso que você precisa saber como proceder nesses casos, e garantir uma melhor qualidade de vida para seu melhor amigo. Abaixo você confere mais sobre o tema, como prevenir e o que fazer caso ocorra.

Quais os sintomas de bola de pelos em gatos?

Em geral, quase todos os felinos possuem propensão a ter bola de pelos. E eles conseguem eliminar os pelos pelo vômito ou fezes. O problema ocorre quando isso não acontece, e os pelos ficam presos no organismo do gato.

Isso pode fazer com que o animal sofra alterações na função digestiva, quando os pelos vão para o intestino. Dessa forma, ele pode ter diarreia, prisão de ventre e outros sintomas graves, gerando oclusão intestinal.

 Se for o caso, será preciso passar por uma cirurgia para remover os pelos que ficaram acumulados. Confira quais os sintomas da bola de pelo em felinos:

  • Prisão de ventre ou diarreia;
  • Falta de apetite;
  • Vômitos mais de uma vez ao dia;
  • Sinais de cansaço e apatia;
  • Mudanças de comportamento.

Dessa forma, caso o seu gato demonstre qualquer um dos sintomas acima, será preciso tomar cuidado. Como visto, a pelagem em excesso no organismo pode causar problemas sérios ao pet.

Saiba como prevenir a bola de pelos

Como visto acima, uma bola de pelos pode ser extremamente perigosa para o seu gato. Então, o ideal é prevenir e garantir a saúde e bem-estar do seu pet.

Atualmente, a melhor maneira de prevenir é através da remoção da pelagem morta. Sendo assim, será preciso escovar ou pentear o gato ao menos uma vez por dia.

Para facilitar, é possível utilizar um produto especializado para essa tarefa, como um pente ou escova para gatos. Um detalhe é que eles costumam adorar essa escovação, então aproveite o momento com seu pet.

Se for o caso de ele não gostar da escovação, tente realizar o processo enquanto ele se alimenta e está mais calmo. O ideal é fazer isso durante 5 minutos por dia, no sentido da cabeça até a cauda.

Outra dica para a prevenção está em afastar as pulgas do felino. Isso porque as picadas podem gerar coceira e dermatite. Dessa forma, o gato se lambe muito mais.

Por fim, você também vai precisar cuidar da hidratação do gato. Assim, o intestino dele funciona da maneira correta. Sempre deixe água fresca ou um bebedouro disponível.

Como tratar?

Para tratar a bola de pelos, será preciso fazer com que o gato elimine a pelagem acumulada. Uma forma de ajudar é aumentar os alimentos com fibra.

Atualmente, existem rações especializadas no mercado. Você também pode encontrar petiscos e pastas que vão auxiliar nesse processo intestinal.

Os gatos também costumam comer plantas para melhorar o fluxo gastrointestinal. Então, auxilie o pet oferecendo Grama Valeriana, Malta ou Nepeta Cataria. Essa última é a famosa erva do gato.

Entretanto, seja como for, o melhor é levar o seu gato ao médico veterinário. Isso porque apenas esse profissional poderá dizer com total certeza como tratar do problema.

A bola de pelos pode causar muito mal ao felino, e até levar ao óbito. Sendo assim, tenha muito cuidado com elas, e proteja a saúde e a vida do seu pet.